fbpx

Descubra agora mesmo o que fazer para proteger a pintura do carro

Nem todas as pessoas possuem garagens cobertas, por isso acabam estacionando seus carros ao ar livre, deixando-os expostos à chuva e ao sol durante grande parte do dia, todos os dias, o que pode danificar a pintura do carro, mudando sua aparência e impactando em seu valor de revenda.

No entanto, ao adotar algumas práticas para proteger a pintura e com dicas simples, mas eficientes, é possível manter o carro bonito e bem-cuidado durante mais tempo, evitando que ele seja danificado ou que desvalorize.

Por isso, explicaremos agora a importância de conservar a pintura do carro, abordando algumas práticas que ajudam a proteger a pintura, além de darmos dicas de manutenção e muito mais. Confira os detalhes abaixo!

Entenda a importância de conservar a pintura do carro

Quando falamos da conservação da pintura, muitos proprietários já sabem qual é o motivo principal para mantê-la sempre bonita e bem-cuidada: o momento da revenda. Riscos, manchas, descascamentos e outros danos à pintura podem impactar a estética do veículo e acabam se tornando os inimigos de quem deseja revender seu carro por um bom preço.

Além de ser um dos itens mais importantes para a avaliação do preço de compra e venda de um veículo, a pintura do carro é o tipo de elemento que não basta ser reparada apenas depois de danificada.

Por isso, é importante tomar alguns cuidados na conservação do veículo para proteger a pintura, especialmente se você deseja realizar a venda dele em um futuro próximo e obter o melhor valor na negociação.

Saiba quais práticas ajudam a proteger a pintura

Como dissemos, quando se trata de proteger a pintura do carro, prevenir é melhor do que remediar. Por isso, existem algumas práticas que ajudam a proteger a pintura. Veja uma lista delas abaixo:

  • evite estacionar sob árvores, já que esse tipo de local está mais propenso à presença de aves, queda de folhas, frutos e até mesmo de galhos que podem danificar a pintura;
  • sempre que possível, utilize estacionamentos cobertos, que ajudam a evitar os danos causados pelo sol e pela chuva;
  • não economize comprando cera automotiva de baixa qualidade pelo preço, já que ela pode danificar a pintura.

Veja 5 dicas de manutenção para proteger a pintura do carro

Agora que você entendeu a importância de proteger a pintura do carro e também conheceu algumas práticas que ajudam a manter a pintura em dia, é interessante também conhecer algumas dicas que permitem protegê-la no dia a dia. Veja nossas 5 dicas de manutenção abaixo:

  1. preste atenção na lavagem: a lavagem incorreta ou com o uso de produtos não recomendados pelo fabricante do veículo pode causar riscos e até mesmo danificar permanentemente a pintura do carro;
  2. utilize apenas produtos específicos para a limpeza: muitas pessoas conhecem uma receita caseira ou outra para realizar a limpeza do carro, mas é fundamental usar apenas produtos específicos para não danificar a pintura;
  3. compre e utilize uma cera de boa qualidade: ceras de baixa qualidade podem danificar a pintura, deixando resíduos e até mesmo riscando a lataria;
  4. aposte na cristalização e espelhamento: a cristalização e o espelhamento são técnicas profissionais que ajudam na proteção da pintura e evitam riscos e danos à lataria do veículo;
  5. realize os reparos necessários na pintura: por último, é importante que você busque realizar os reparos necessários na pintura assim que detectar o dano, como um risco, por exemplo, para evitar que a situação piore com o passar do tempo.

Veja de quanto em quanto tempo você pode encerar o carro

É bastante comum que os proprietários de veículos, especialmente os de primeira viagem, desejem encerar o carro sempre que possível, já que a cera deixa o veículo mais bonito e com um aspecto de novo. Mas, na verdade, muitos deles têm dúvidas a respeito de quanto em quanto tempo realizar esse procedimento.

A frequência de enceramento do carro varia de acordo com o tipo de cera utilizada e com a forma de aplicação, seja ela amadora ou profissional. As ceras comerciais, disponíveis para o público em geral e aplicadas em casa, têm durabilidade média de um mês, sendo possível, portanto, encerar o carro mensalmente sem maiores problemas.

Já as ceras profissionais, aplicadas em empresas especializadas e com o uso de equipamentos específicos, podem resistir de seis meses a um ano. Portanto, não é necessário encerar antes desse período caso o material não tenha sido danificado.

Saiba se as capas automotivas realmente protegem a pintura

Uma das dúvidas mais comuns a respeito da proteção da pintura do carro está na utilização das chamadas capas automotivas, que prometem ser uma opção para proteger o veículo de sujeiras, detritos e da exposição à chuva e ao sol.

Apesar de realmente proteger a pintura, já que a capa automotiva representa uma camada extra de proteção, a ação de colocar e tirar a capa pode riscar o veículo. Por isso, é recomendado usar a capa apenas em casos em que o veículo ficará parado durante muito tempo, como em uma viagem.

Como é possível perceber, proteger a pintura do carro é uma tarefa muito importante que exige cuidados específicos, por isso é recomendado buscar suporte especializado caso você tenha alguma dúvida ou problema com a pintura.

Assim, ao garantir que qualquer procedimento de limpeza seja realizado da forma correta, isso também permite que você tenha mais tranquilidade e conserve a pintura do carro durante mais tempo, mantendo suas características e seu valor de venda.

O que você achou de entender melhor a importância de conservar a pintura do carro, de saber quais práticas ajudam a proteger a pintura, das nossas 5 dicas de manutenção e de esclarecer as dúvidas a respeito de quando encerar o veículo e se as capas automotivas realmente protegem a pintura? Se você gostou do conteúdo, curta nossa página no Facebook, siga nosso perfil no Instagram e fique por dentro de todas as nossas novidades!

Leave A Comment

Create your account

Clique Aqui para WhatsApp whatsapp